ODIVELAS FUTEBOL CLUBE
Edição para impressão

Artigo: Odivelas vence Benfica por 3-2
Publicado dia 31/05/2005 às 20:48
.

No jogo de encerramento da época desportiva, integrado nas comemorações do 66º aniversário do Odivelas, a equipa principal recebeu o Benfica, Campeão Nacional daÉpoca 2004/2005, e levou de vencida os encarnados da luz por 3-2, depois de estar a ganhar por 3-0 nos primeiros 45 minutos. O Jogo foi presenciado por algumas centenas de adeptos dos dois clubes, que vibraram com os golos de parte a parte, sempre no maior fair play.


Algumas individualidades do Concelho, do Odivelas e do Benfica, antes do jogo


As duas equipas perfiladas antes do jogo


Alguns adeptos do Benfica que assistiram ao jogo


Demonstração da classe de dança do OFC.


Demonstração da secção de Capoeira do OFC.


Reportagem in "A BOLA - Online"

Odivelas derrota Benfica na «despedida» de Trapattoni: No particular que marcava a despedida de Trapattoni do «banco» do Benfica, a equipa «encarnada» acabou por sair derrotada frente ao Odivelas, da II Divisão B, por 3-2.

Num jogo em que o Benfica chegou ao intervalo a perder por 3-0, os campeões nacionais ainda esboçaram uma reacção e marcaram por duas vezes, através da grande penalidade apontada por Everson e pelo golo de Bruno Aguiar, mas foi insuficiente para os «encarnados» chegarem ao empate.



Reportagem in "Benfica - website oficial"

No último jogo de Trapattoni, Odivelas fez a festa

Num jogo de descompressão de uma frenética temporada, para o Benfica, e de festa, para o Odivelas, acabou por ser a equipa da casa, que milita na II Divisão B, a levar a melhor sobre os campeões nacionais, numa vitória por 3-2.

Note-se que esta foi a última partida em que Giovanni Trapattoni orientou a formação benfiquista. Poucas horas antes o treinador italiano tinha confirmado o seu regresso a Itália devido a motivos de natureza pessoal. Assim, em Odivelas, Trap despediu-se dos seus pupilos numa típica partida de final de época que, apesar de tudo foi levada muito a sério pelo Odivelas.

De facto, a turma dos arredores de Lisboa fez questão de demonstrar ao campeão nacional que possui um futebol de qualidade, tendo chegado ao intervalo com uma vantagem de três golos sem resposta. O Benfica, que fez rodar vários elementos menos utilizados ao longo da temporada, reagiu bem na segunda parte e marcou dois golos, primeiro numa grande penalidade convertida por Everson e depois num remate certeiro de Bruno Aguiar. O marcador não voltaria a mexer e o Odivelas lá fez a festa numa tarde para não esquecer para as gentes daquela cidade.


© Copyright (c) 2004/2018
Desenvolvido por Pedro Boléo - pboleo@gmail.com